Blog Arnaldo Francisco

terça-feira, 24 de outubro de 2017

6 maneiras de consumir menos 500 calorias por dia

outubro 24, 2017 0
6 maneiras de consumir menos 500 calorias por dia
Para conseguir emagrecer, a regra é simples: consumir menos calorias do que as que gasta. Pô-la em prática é que pode ser um pouco mais difícil. Claro que o mais aconselhado é ter o acompanhamento de um nutricionista e um personal trainer, mas se quer começar a reduzir o seu consumo calórico, existem algumas estratégias que você pode começar já a adotar. O site Deporte y Vida, do jornal espanhol AS, listou seis atitudes que ajudam a diminuir o consumo de calorias em até 500 unidades por dia:

Compre atum em azeite ou em água em vez de atum em óleo vegetal. Assim poderá passar das 190 calorias para cerca de 90.

Opte por lanches menos calóricos. Apesar de muito saudáveis, as nozes e castanhas têm mais de 600 calorias por 100 gr. Se o seu objetivo é reduzir o consumo calórico, escolha como lanche pipocas sem sal, açúcar ou gordura ou ‘chips’ de vegetais feitas em casa. Com estas opções pode ingerir menos cerca de 300 calorias.

Em vez de cereais de dieta ou fitness, opte pela aveia no café da manhã, que contém 184 calorias por 100 gr, em comparação com as cerca de 380 calorias que a mesma quantidade de sucrilhos pode conter. Além disso, ao contrário destes cereais, a aveia simples não tem açúcar adicionado, o que a torna muito mais saudável.

A batata-doce é a mais saudável. Mas se vai comer a batata comum, então é melhor optar pela versão congelada. O site Deporte y Vida conta que o amido das batatas congeladas é mais saudável do que o das batatas frescas e que ajuda a dar mais saciedade e a comer menos.

Se preparar muffins ou madalenas, troque chocolate pelo gengibre. Só com esta pequena mudança pode matar a gula ingerindo menos 300 calorias.

Troque o sorvete de chocolate pelo gelado ou ‘sorbet’ de fruta. Assim, em vez de 227 calorias pode passar a ingerir apenas 132.

Fonte: Noticias ao minuto

‘Pânico’ será cancelado após 14 anos na televisão

outubro 24, 2017 0
‘Pânico’ será cancelado após 14 anos na televisão
O Pânico na Band deverá ser cancelado ainda neste ano, de acordo com o colunista Flávio Ricco. O programa, que foi exibido na Rede TV! entre 2003 e 2011 e depois passou para a Rede Bandeirantes, deverá sair do ar pelo baixo resultado que está apresentando no Ibope, provocado pelo desgaste.

O fim do programa ainda não foi anunciado oficialmente, mas a publicação garante que ele será transmitido apenas até dezembro deste ano. Os problemas com a produção ainda teriam se agravado por conta do atraso nos repasses de verba por parte da emissora.

Inspirado no formato do programa de mesmo nome da Rádio Jovem Pan, o Pânico na TV! estreou em setembro de 2003 na Rede TV!. Depois de um grande sucesso, o elenco migrou para a TV Bandeirantes, em que começaram a apresentar o Pânico na Band!. A estreia na nova emissora em abril de 2012 chegou a ficar em segundo lugar na audiência, com 11 pontos de média na Grande São Paulo. No último domingo, no entanto, o programa obteve apenas 5,2 pontos de média.

Fonte: Veja

Prática de exercícios pode auxiliar no aprendizado de um novo idioma

outubro 24, 2017 0
Prática de exercícios pode auxiliar no aprendizado de um novo idioma
Muitos estudos têm tentado entender e avaliar a influência da atividade física nos aspectos de aprendizagem e desempenho intelectual das pessoas. Estudos recentes revelaram que a prática de exercícios pode realmente auxiliar na aprendizagem de um novo idioma.

Essa correlação atividade-aprendizagem, pode ser explicada por diversos motivos:


  • Uma pessoa ativa tem o organismo funcionando de maneira mais equilibrada e estável, o que facilita um estado mental de maior concentração para aprender.
  • Melhor circulação do sangue levando a um melhor aporte de nutrientes e oxigênio para o cérebro e todo o sistema nervoso, nos deixando mais aptos a aprender.
  • Alívio do estresse, que pode desviar nosso foco de atenção e dificultar a aprendizagem.
  • Pessoas mais ativas têm uma tendência maior a se alimentarem melhor e, como resultado, oferecem variedade maior de nutrientes para todos os sistemas do corpo funcionarem melhor.
  • O sistema de produção hormonal do corpo fica mais equilibrado, permitindo que a transmissão dos impulsos nervosos com origem na captação de informação sensorial (visão, audição, tato, olfato e paladar) fique mais clara e seja transmitida com menos “ruído” para as áreas do cérebro relacionadas.
  • A execução de movimentos demanda grande trabalho do sistema nervoso, pois os músculos se contraem por estímulos voluntários enviados a partir dele e são controlados totalmente pele mesmo sistema, o que, obrigatoriamente, coloca e exercita as vias de transmissão em atividade, melhorando assim todo seu funcionamento.
  • E por último, e talvez um dos mais importantes - tanto que é o que mais tem sido estudado -, é a utilização do movimento/exercício durante o momento da aprendizagem, de maneira integrada com o conteúdo, para gerar mais fontes de entrada de informação no cérebro associadas ao mesmo conceito, bem como a geração de emoções e sensações capazes de marcar a experiência motora. Isso faz com que a profundidade de absorção do conteúdo seja multiplicada em no mínimo duas vezes.
Todos esses motivos transformam a capacidade de aprendizagem e a experiência educacional em algo muito mais rico, profundo e consistente, explorando mais o potencial de nosso cérebro de processar e armazenar informações. Derivado da história do idioma e da aprendizagem, podemos pensar nas doenças relacionadas ao sistema nervoso, tanto fisiológicas como psicológicas.

E então, na via reversa, pensar em utilizar o movimento e o exercício como estimuladores e vias terapêuticas de indução e manipulação das variáveis capazes de mexer com o seu funcionamento para buscar melhorias importantes, nada invasivas e muito eficientes na recuperação e manutenção de um bom estado de saúde neurológica. É a ciência nos mostrando mais uma vez que corpo exercitado também faz cérebro fortalecido!

Fonte: Globo.com

Melhores desodorantes naturais

outubro 24, 2017 0
Melhores desodorantes naturais
Apesar de existir uma grande variedade de desodorantes no mercado, a maioria conta com uma característica em comum: são industrializados e cheios de compostos químicos. Os desodorantes são geralmente feitos por agentes antissépticos, que inibem o crescimento das bactérias causado pelo o mau cheiro e fermentação do suor, além de inibir a sudorese, fechando os poros.

Os desodorantes são substâncias para remover o odor que acompanha as áreas de maior sudorese. Já os antitranspirantes: são produtos responsáveis por reduzir a quantidade de suor produzido.

Para o desodorante exercer sua função, podem conter altas quantidades de sais de alumínio e derivados, que atualmente tem sidos alvos de críticas quanto aos riscos que podem oferecer para saúde. Acredita-se que o alumínio tem efeitos tóxicos ao organismo em determinadas quantidades e cumulativamente.

Alguns desodorantes também podem contar com adição de parabenos, que são conservantes artificiais, que também podem ser absorvidos pelo organismo, causando efeitos adversos e possível toxicidade a longo prazo.

Para diminuir o risco pela exposição desses compostos, os desodorantes naturais oferecem uma formulação 100% natural, com ativos extraídos de plantas, além disso, muitos também são veganos, livre de ingredientes e de testes em animais. São ideais para pessoas com pele sensível e também tem menor risco de manchar as roupas, por não conter alumínio.

Vale ressaltar que o cosmético natural e orgânico, como os desodorantes naturais, tem um impacto ambiental menor, pois as substâncias sintéticas são substituídas por naturais, diminuindo os efeitos tóxicos.

como usar desodorantes naturais

Confira algumas opções de desodorantes naturais e orgânicos, livre de substâncias químicas prejudiciais à saúde.

desodorantes naturais

São formulados com ativos naturais que evitam o crescimento bacteriano e protege contra o mau odor, sem comprometer a sudorese natural do organismo, sendo mais saudáveis. Podem ser feitos com óleos essenciais e extratos de ervas, livres de ingredientes animais, derivados de petróleo, aromas sintéticos, parabenos e alumínio.

óleo de coco

O óleo de coco tem uma ação antibactericida natural, inibindo a proliferação de bactérias responsáveis por causar o mau odor, além de hidratar a pele. Basta aplicar uma pequena quantidade até a ele absorver por completo.

bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio é um sal com poder bactericida, ou seja, pode combater as bactérias que produzem o mau cheiro das axilas. Basta misturar com um pouco de água para facilitar a aplicação.

leite de magnésia

O leite de magnésia é capaz de neutralizar os ácidos que formam o suor, responsáveis pelos odores desagradáveis da transpiração. Basta aplicar nas axilas com a ajuda de um algodão, ou até mesmo colocar em um recipiente vazio de desodorante roll-on.

Fonte: Natue.com.br

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

O Zoológico do Santuário de São Francisco

outubro 05, 2017 0
O Zoológico do Santuário de São Francisco
O Zoológico do Santuário de São Francisco é um espaço agradável da cidade da fé. Nele os devotos aproveitam para fazer momento de lazer e conhecem as várias espécies de animais e plantas que tem no local.

Tudo começou quando os romeiros trouxeram alguns bichos para São Francisco e os frades franciscanos se viram obrigados a cuidar destes animais.
Veja mais fotos CLIQUE AQUI

A Estátua de São Francisco

outubro 05, 2017 0
A Estátua de São Francisco
O maior monumento de São Francisco do mundo está em Canindé. A Estátua de São Francisco, foi feita pelo mestre Bibi, escultor responsável também por várias outras obras muito conhecidas.

A Casa dos Milagres de Canindé-CE

outubro 05, 2017 0
A Casa dos Milagres de Canindé-CE
No início chamada de “Casa dos Ex-Votos”, mas com o passar do tempo os próprios devotos começaram a chamá-la de “Casa dos Milagres”, como é chamada até hoje. Todas as pessoas que passaram pelo local possuem histórias de superação e fé, que segundo elas tiveram a ajuda do santo padroeiro da cidade.